EMAIL

stial@bewnet.com.br

Sede

(51) 3710-1313

Subsede

(51) 3716-1613

NOTÍCIAS

23 Outubro
2018

Centenas de crianças participam da festa do Sindicato da Alimentação

23/10/2018

Centenas de crianças participaram da VIII Festa das Crianças promovida pelo Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Avícolas e Alimentação Geral de Lajedo e Região (Stial). O evento, realizado no sábado (20), na sede campestre Recanto do Peão, contou com brinquedos infláveis, brincadeiras para pais e filhos e distribuição de lanches, doces e presentes. A animação ficou por conta dos palhaços Batata, Batatinha e Batatão. O Papai Noel também interagiu com os pequenos, tirou fotos e distribuiu balas e pirulitos.

Cada criança ganhou um envelope que dava direito a refrigerante, picolé, cachorro-quente, churros, algodão-doce e um brinquedo, gratuitamente. O Stial também disponibilizou food trucks  de churrasquinho e crepe para quem quisesse comprar.

Sortudos

Todas as edições da festa são sorteados prêmios, como bicicletas e tablets. Neste ano, o Stial sorteou dois vales-compra de R$ 500 para trocar por brinquedos na loja Brincasa. Os sortudos foram Felipe Gabriel de Vargas Alves (5), filho do associado Antonio Leimar Alves, que trabalha na empresa BRF, e Josiane da Rosa Brandão (5), filha da associada Angela Lovani da Rosa, funcionária da empresa Haensgenn.

Conforme o presidente do Stial, Adão Gossmann, foram distribuídos  900 envelopes com os vales para lanches e doces, o que dá uma estimativa de público.  Segundo ele, o tempo ensolarado colaborou para que a festa fosse um sucesso.  

 

Fonte: Assessoria Imprensa Stial
14 Outubro
2018

COLUNA DO ADVOGADO

14/10/2018

COLUNA DOS ADVOGADOS

Por Dr. Bruno da Silveira

RECLAMAÇÕES TRABALHISTAS
Desde a Reforma Trabalhista, vigente desde 11/11/2017, abateu-se um verdadeiro “pavor” nos trabalhadores, temerosos de que se ajuizarem uma ação trabalhista terão que pagar custas processuais e honorários ao advogado da empresa. Ora, isso não é correto. No sindicato, o departamento jurídico sempre toma o cuidado de só reclamar na Justiça do Trabalho aquilo que realmente faz sentido. O empregado não precisa ter nenhum temor de que seu processo lhe trará “dores de cabeça” no futuro. Basta que só reclame aquilo que lhe é de direito e que não está sendo pago. Existem várias diferenças que as empresas não pagam corretamente e estes direitos estão plenamente válidos, ao menos até a reforma trabalhista. Vários direitos deixaram de existir após a Reforma Trabalhista, mas isso não significa que o trabalhador não possa cobrar o passado.

 

LICENÇA MATERNIDADE x DEMISSÃO DO EMPREGO

O INSS costuma indeferir o pedido de licença maternidade requerido diretamente pela pessoa quando essa foi demitida sem justa causa da empresa onde trabalhava, sob a justificativa de que o pagamento do benefício é de responsabilidade do empregador.

Contudo, isso não é correto, uma vez que o salário maternidade é uma obrigação do INSS e nada tem a ver com a relação trabalhista ocorrida entre empregado/empregador.

Desse modo, diante da negativa de pagamento da licença-maternidade, procure por advogado de sua confiança para fazer valer o direito pelo qual pagou.

 

APOSENTADORIA DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

A aposentadoria da pessoa com deficiência deve ser concedida para aqueles que vierem a solicitar o benefício por possuírem algum tipo de deficiência, seja ela física, mental, intelectual ou sensorial (portadores de paralisias, cegueira, surdez, retardos, amputação de membros, dentre outros).

Esse benefício é garantido por Lei e é necessário tempo mínimo de contribuição de 180 meses (15 anos). O benefício pode ser de dois tipos: por idade ou por tempo de contribuição.

No caso da idade, basta que o homem complete 60 anos e a mulher 55, além de que tenha os 180 meses de contribuição (15 anos). Ou seja, nesta modalidade já há uma redução de 5 anos se comparada à aposentadoria por idade regular.

No caso de tempo de contribuição, o período exigido vai variar de acordo com o grau de deficiência. Por exemplo: Grau de deficiência leve exige, para homens, 33 anos de contribuição; já para mulheres 28 anos. Se o grau de deficiência for moderado a Lei exige 29 anos de contribuição para homens e 24 anos para mulher. Nos casos graves são exigidos 25 anos de contribuição para os homens e 20 anos para as mulheres. Novamente, há grande diminuição de tempo de contribuição se comparada à aposentadoria por tempo de contribuição regular.

O grau de deficiência deve ser comprovado para o INSS. É necessária a realização de perícia medica para a comprovação da deficiência. É comum que o benefício seja indeferido se não for bem instruído inicialmente.

 

AUXÍLIO ACIDENTE

O auxílio-acidente é um benefício previdenciário pago mensalmente ao segurado pelo INSS a pessoa que, após sofrer doença profissional ou sofrer algum acidente no trabalho, venha a apresentar sequelas incapacitantes para o trabalho atual, de forma parcial e permanente.

Aqueles que se encontram nessas condições têm direito ao benefício mensal de 50% do seu salário no INSS, representando um aumento significativo nos seus rendimentos.

Para se ter direito ao auxílio, o segurado deve cumprir com determinados requisitos: contribuir com o INSS; ter sofrido acidente de qualquer natureza; ter a capacidade de trabalho diminuída parcial e definitivamente.

O INSS entende que este benefício é devido somente quando existe um acidente e há relação entre esse acidente e a redução da capacidade para o trabalho. Contudo, a Justiça entende que não há necessidade de que o acidente tenha origem no trabalho, bastando que suas sequelas impliquem na redução da capacidade de trabalho. Por exemplo: amputação de membros, paralisias irreversíveis e etc.

O auxílio acidente pode ser acumulado com o recebimento de salário e outros benefícios, exceto aposentadoria.

Desse modo, aqueles que possuam redução permanente em sua capacidade de trabalho devem procurar um advogado, a fim de verificarem a possibilidade de seu direito.

 

 

Fonte: Assessoria Imprensa Stial
28 Agosto
2018

Festa da Criança será no dia 20 de outubro

28/08/2018

A comemoração do Dia da Criança deste ano será em 20 de outubro, na sede Recanto do Peão.  A tradicional festa contará com brinquedos infláveis, brincadeiras com distribuição de brindes, a presença dos palhaços Batatinha e Batatão e muito espaço ao ar livre para curtir uma tarde de diversão.

Este ano, os lanches ganham novidades. Além do cachorro-quente, refrigerante e picolé, as crianças vão ganhar churros e algodão-doce.

Para as famílias, basta levar cuia, bomba e térmica, porque a erva-mate e água quente estarão garantidas para o chimarrão.

Em breve divulgaremos da data da entrega dos cartões.   

 

Fonte: Assessoria Imprensa Stial
10 Julho
2018

Assembleia de trabalhadores vota propostas para quatro empresas do setor da alimentação

10/07/2018

O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Avícolas e Alimentação Geral de Lajeado e Região (Stial) tem quatro assembleias programadas para analisar e votar as propostas de acordo salarial das empresas Bebidas Fruki, BRF, Minuano e Florestal Alimentos. A data-base da categoria é 1º de maio e, desde então, a direção do Stial tem realizado reuniões de negociação com os representantes das empresas. A intenção é chegar a um percentual de reajuste acima da inflação no período, que foi 1,59%.

As assembleias ocorrerão na sede do Stial, Avenida Benjamin Constant, 1606, Bairro Florestal, em Lajeado. O presidente da entidade, Adão Gossmann, destaca a importância da participação dos trabalhadores. “Estamos definindo o acordo que vai vigorar por um ano, é importante que os trabalhadores participem, dêem sua opinião e votem a favor ou contra a proposta.”

 

Propostas de reajuste

Bebidas Fruki

Reajuste: 2,5%

Piso inicial: R$ 1.264,00

Assembleia: 11/07, às 17h

 

BRF

Reajuste: 1,70%

Piso inicial: R$ 1.252,00

Piso efetivação: 1.280,00

Assembleia: 12/07, às 17h30min

Companhia Minuano

Reajuste: 1,70%

Piso inicial: R$ 1.252,00

Piso efetivação: 1.280,00

Assembleia: 13/07, às 16h

 

Florestal Alimentos

Reajuste: 2%

Piso inicial: R$ 1.264,00

Assembleia: 16/07, às 14h30min

 

Fonte: Assessoria Imprensa Stial